was successfully added to your cart.

“Orando pela Justiça”

By 27 de fevereiro de 2015Notícias - Geral

“Nisto conhecemos o amor:  que Cristo deu a sua vida por nós; e devemos dar nossa vida pelos irmãos.” 1 João 3:16
“Os justos clamam, o Senhor os ouve e os livra de todas as suas tribulações.” Salmos 34:17

Porque clamar por justiça?

Nós somos a Igreja de Cristo a qual espera pela volta de seu noivo, porém nosso trabalho não acabou e não estamos apenas esperando o Rei voltar, mas estamos em movimento e precisamos clamar e pedir a Deus por nossa nação e por todos os países. Temos este compromisso de orar e pedir que a Graça de Deus seja derramada em nosso meio e que seja retirada no meio da Igreja toda apostasia ou falta de sensibilidade dos acontecimentos terríveis que estão ao nosso redor.

O pastor José Rodrigues da organização MCM menciona: “Vivemos um tempo na igreja do Brasil, onde infelizmente cada um quer ser maior do que o outro, sentindo-se dono do seu ministério e dono das ovelhas. Infelizmente, é o que vivemos nesse momento como Igreja Brasileira e esse comportamento é estimulado pelo espírito da injustiça, do pecado e da iniquidade”. Portanto a Bíblia, nossa principal referência sobre a vontade de Deus, expressa no seu conjunto de livros a experiência de um povo que vivia sob o jugo da opressão e dos maus tratos e que tinha o clamor como forma de invocar a Deus diante de suas angústias. “E agora, eis que o clamor dos filhos de Israel é vindo a mim, e também tenho visto a opressão com que os egípcios os oprimem. Vem agora, pois, e eu te enviarei a Faraó para que tires o meu povo (os filhos de Israel) do Egito.” Êxodo 3:9-10. Este breve fragmento nos revela a experiência do povo com um Deus que ouve o clamor de seus filhos diante da angústia e aflição. Percebemos também que as igrejas mudaram o foco de suas orações para questões de consumo (bênçãos) ou para manutenção de seus ministérios. Sendo totalmente diferente do aspecto da oração de Jesus que nos ensina: “Seja feita sua vontade assim na terra como nos céus”. A dimensão da oração tem objetivo de invocar a vontade de Deus nesta terra.

O que a Justiça tem haver com isso?

A palavra de Deus nos diz que felizes serão os que têm sede e fome de Justiça e esta justiça não é do ser humano, mas sim de Deus através de seu Filho Jesus que nos trouxe sua salvação na cruz. E buscar a Justiça de Deus através da oração nos fortalece diante da vontade do Pai e nos move para realizar a vontade de Deus na terra, cumprindo assim a vocação profética de ser sal e luz na terra. Clamar por justiça é compromisso de todos nós.  Que nestes dias e em toda nossa trajetória cristã possamos como está no livro de Salmos capítulo 88 e versículo 2 dizer: “Que a minha oração chegue diante de Ti; inclina os teus ouvidos ao meu clamor.” Portanto, Deus nos convida a clamar, para que os justos levantem sua voz em favor de nossa comunidade, bairro, cidade, estado, país e todos os continentes. Vamos clamar para que Deus levante a cada um de nós para lutar por justiça e que a igreja cumpra o seu papel frente à sociedade.

Como vai funcionar a Campanha “Orando pela Justiça”?

Serão 22 temas de oração que assolam todos os dias o Brasil e os outros países. Temas presentes em jornais, revistas e em diversos meios de comunicação e que se tornaram “comuns” na rotina da sociedade e que trouxe uma falta de sensibilidade a todos nós. Porém, este é o momento de parar e pensar no que nós temos feito frente a esta realidade cruel e o que poderemos fazer para atender ao chamado de Deus para Clamar por Justiça. Que Deus abençoe sua igreja e que eu e você possamos clamar e que Deus com seu infinito amor nos dará a cura de todas estas enfermidades físicas e sociais. “Senhor meu Deus, a ti clamei por socorro, e tu me curaste.” Salmos 30:2


Justificativa: Entre o universo da Missão Integral e da responsabilidade sócio-ambiental da Igreja de Cristo, vê-se o pouco envolvimento das igrejas locais e os cultos de oração não conseguem dialogar com as necessidades comunitárias. As vezes ficando apenas no aspecto da “bêncão” individual e não atinge territórios que precisam de intercessão e da Justiça do Reino de Deus. Sabemos através da experiência narrada no livro de Êxodo que o povo de Israel sofria nas mãos de faraó, mas que o povo clamou ao Senhor que trouxe a liberdade ao povo de Israel.Objetivo Geral: Aproximar igrejas locais dos temas Justiça e Missão Integral através da realização de cultos de oração com temáticas de justiça, ou seja, as igrejas levantarão as demandas sociais de seus territórios e colocaram comunitariamente, nas mãos do Senhor para que a Justiça do Reino possa alcançar às pessoas mais empobrecidas e aos governantes para que possam ser justos diante das necessidades do povo.

Projeto: Orando Pela Justiça | Realização: Confederação de Jovens Metodistas e Juventude da Pastoral de Combate ao Racismo da 1º Região Eclesiástica.

Leave a Reply